logo Eninter Portugal

María Petit: “Propus-me subir o Aneto, mas toda a gente me dizia que era impossível. Consegui-o graças à campanha #EninterAyuda”.

Índice

Na semana passada, Roger Torras, o nosso diretor de marketing, foi convidado para a Radio Marca para explicar a nossa campanha #EninterAyuda. Desta vez, Ricard Vicente quis entrevistar um dos protagonistas da campanha, para ouvir, na primeira pessoa, a história da superação de Maria Petit, cega desde os 17 anos, que com a ajuda do Eninter conseguiu subir o Aneto.

Ricard Vicente: Na semana passada, apresentámos a iniciativa #EninterAyuda da Eninter Ascensores e fizemo-lo com o seu diretor de marketing, Roger Torras. A Eninter Ascensores, no seu compromisso com a sociedade e tendo em conta os momentos difíceis que estamos a atravessar, quer oferecer cinco bolsas de manutenção gratuitas para ascensores durante dois anos. Para se habilitar a este apoio, basta ir a www.eninter.com/subes e partilhar o seu desafio. Por muito modesto que lhe pareça, todos os esforços valem a pena nos tempos que correm. A campanha está agora aberta e tem até 10 de dezembro para apresentar o seu desafio. A Eninter quis inspirar e promover os seus desafios com alguns outros que quis acompanhar na primeira pessoa. Hoje queremos falar de um deles, a subida do Monte Aneto, a montanha mais alta dos Pirinéus, com 3.404 metros, por María Petit. É preciso dizer que o desafio de escalar o Aneto para a Maria é especial porque a Maria é cega desde os 17 anos, o que é que te aconteceu Maria?

María Petit: Quando tinha 17 anos tive um acidente de viação, ia de mota e choquei contra um camião. Perdi parte do meu rosto, olhos e nariz, o que me fez perder o olfato. Por outras palavras, perdi a visão e o olfato numa só noite.

Ricard Vicente: Mas não desististe, porque continuaste a fazer muitas coisas. É cofundador da organização Punto de vista, formada por pessoas com deficiência visual, também fez parte de outras organizações com outros projectos e, neste momento, está a trabalhar. Em que estás a trabalhar, Maria?

María Petit: Há oito anos que trabalho em comunicação numa empresa de design de moda, sou também professora na Fundación Adecco e depois todos os projectos que me aparecem. O “sim” está sempre nos meus lábios para tudo o que aparece.

Ricard Vicente: Está a transmitir o seu sorriso, não o podemos ver na rádio mas podemos ouvi-lo e isso é uma fonte de otimismo nestes tempos. Não sei se sempre foi desportista, se sempre gostou da montanha, mas como surgiu a ideia de subir o Aneto? Como é que este desafio surge?

Maria Petit: Sou desportista há muitos anos. No atletismo, participei nos Campeonatos Europeus de 100 metros e de salto em comprimento. Mas, depois do acidente, deixei de lado a questão da competição para me concentrar mais no meu bem-estar pessoal e na minha autonomia, que era o que eu precisava na altura. Depois comecei a praticar vários desportos, queria saber o que podia fazer mesmo sem ver e experimentei tudo. Depois de muitas experiências, um dos desportos que me ficou foi o alpinismo. Há alguns anos comecei a escalar pequenas montanhas e este ano o meu desafio era escalar o Pica d’Estats, que é o pico mais alto da Catalunha, e escalei o Pica dez anos depois do acidente. Depois, pensei que o próximo seria o Aneto, mas toda a gente me disse que era impossível, que devia esquecer isso.

Ricard Vicente: Mas, no final, conseguiram levantá-lo. Que papel desempenha o Eninter para poder levar a cabo este desafio?

María Petit: É uma campanha promovida pela Eninter Ascensores para ajudar a realizar este tipo de desafios. No meu caso, ajudaram-me a tornar a montanha acessível.

Ricard Vicente: ¿E o que sugeriria aos nossos ouvintes para os encorajar a partilhar o seu desafio? Não se trata de igualar o seu, mas todos nós, todos os dias, nos deparamos com pequenos desafios a superar. O que diria aos nossos ouvintes para que partilhem o seu desafio?

María Petit: Diz que o meu desafio tem sido muito grande, mas a verdade é que o meu maior desafio é sair de casa todos os dias com otimismo e vontade de viver, e penso que, nesta base, todos têm uma experiência de superação. Viver e enfrentar a vida, sejam quais forem as condições, é já um desafio. Assim, qualquer pessoa que queira participar no concurso pode fazê-lo, porque, no fim de contas, todos temos este espírito de auto-aperfeiçoamento, quer sejamos mais ou menos vistos. Quando é mais visível, parece que se supera mais, mas há muita gente que não é tão visível, mas é pura superação.

Ricard Vicente: Bem, convidamo-lo a partilhá-lo. Recordamos-lhe que neste sítio Web eninter.com/subes pode enviar o seu desafio até ao dia 10 de dezembro. O da Maria parece-me exemplar. Maria Petit, obrigada por estar connosco, por partilhar a sua vitalidade e o seu otimismo. Um grande abraço.

María Petit: Obrigado a ti também, um grande abraço.

Ricard Vicente: E obrigado à Eninter Ascensores.

Novo apelo à ação

Partilhar este artigo

logo eninter

Manutenção de elevadores multimarcas

Há 51 anos que efectuamos a manutenção de elevadores de todas as marcas e modelos com uma garantia absoluta. Temos um preço competitivo e adaptamo-nos a qualquer tipo de cliente.

Novo apelo à ação

Publicações mais recentes

Peça-nos um orçamento

Indique-nos o serviço que pretende e nós apresentar-lhe-emos um orçamento personalizado.

Receber actualizações e notícias exclusivas

logo eninter

Consulta Gratuita

Expertos a tu Disposición

En Eninter, sabemos que cada cada proyecto tienen sus propias necesidades y desafíos. Por ello, ofrecemos una consulta gratuita para entender mejor tus requerimientos y ayudarte a encontrar la solución más adecuada para ti.

logo eninter

Presupuestos personalizados

De todos los servicios y productos de ENINTER

Dinos el servicio que estás buscando, déjanos tus datos, y te realizaremos un presupuesto a medida.

logo eninter

Consulta gratuita

Especialistas à sua disposição

Na Eninter, sabemos que cada projeto tem as suas próprias necessidades e desafios. É por isso que oferecemos uma consulta gratuita para compreender melhor as suas necessidades e ajudá-lo a encontrar a solução certa para si.

logo eninter

Citações personalizadas

De todos os serviços e produtos ENINTER

Diga-nos qual o serviço que procura, deixe-nos os seus dados e nós fornecer-lhe-emos um orçamento personalizado.